Colchão magnetico funciona?

TODAS AS PESQUISAS CIENTÍFICAS MUNDIALMENTE

Site da Fundação Photon Platinum no Japão – fundada pelo professor Komuro
http://www.platinum-photon.com/effect/sports.html
Photon Platinum – Veja um estudo completo:
http://www.msphoton.com/pdf/Libro_Oficial_Photon.pdf

Photonterapia – Efeitos do Platina Photon

  • Eficiente contra inflamação, inchaço, dores e febre.
  • A energia de Platina Photon alivia as dores
  • Acelera os processos anti-inflamatórios empatologias crônicas e traumáticas
  • Potencializa o sistema imunológico
  • Melhora a circulação e a nutrição celular e promove a cicatrização.
  • Flexibilidade na musculatura (os músculos vão endurecendo á medida que envelhecemos).
  • Sono profundo – Sonho = sono leve / sono profundo com Photon.

Veja mais benefícios e maiores detalhes no site: http://www.dsalud.com/numero57_4.htm

 

Trabalhos de pesquisa:

  • Bloqueio das células cancerígenas – Universidade Federal da Itália.
  • Redução do acido láctico. 30% de redução com uso da T-shirt ou Polo. -Universidade de Múrcia, Espanha.
  • Renovação celular – Universidade de Cambridge, Grã-Bretanha.

Estudos e conclusões de cientistas e médicos mundialmente conhecidos:

Dr Nowacki – Alemanha
Atuação e comportamento físico -cardio- respiratório em crianças e adolescentes entre
os 6 e 20 anos, treinados e não treinados.
Veja mais sobre o assunto no site: http://www.productos-photon.com/noticia2.htm

Dr Luís Horta – Portugal
Influencia no organismo de mulheres adolescentes que praticam exercício regularmente.
www.productos-photon.com/noticia2.htm
Dr Gabor Pavlik – Roménia
Características eco-cardiográficas em mulheres adultas e atletas veteranos.
http://www.photonmundial.com/equiphoton/news.swf
Dr Pavel Budzen – Rússia
Melhoria com treino psico-fisico.
http://www.photonmundial.com/equiphoton/news.swf
Dr Terrados – Espanha
Hiper-atividade bronquial em ciclistas de elite.
http://www.photonmundial.com/equiphoton/news.swf
Dr Baltopolos – Grécia
Exercícios de reabilitação com lesões na espinha dorsal.
http://www.photonmundial.com/equiphoton/news.swf

Dra Carla Diogo Equipe Médica do Hospital de S. António, Porto Medicina do
Trabalho

“Avaliação de eficácia da utilização do Photon Hot em pacientes com Patologias
osteo-articulares “

O estudo realizou-se com 65 pacientes entre Março de 1995 e Janeiro de 1996, no
Porto. As três patologias estudadas foram : Gonalogia (dor no Joelho), Raquialgia (dor na
coluna vertebral), e ombro doloroso. A observação clinica baseou-se no exame objetivo do paciente com o apoio de exames complementares de diagnóstico, fundamentalmente radiografias, tomografia axial computadorizada, ressonância magnética e outros. Os resultados obtidos com este estudo levam-nos a pensar que a utilização de
Photon é uma opção terapêutica muito válida em patologias ósteo-articulares e uma boa alternativa aos anti-inflamatórios e suas contra-indicações.
Veja o documento original no sitehttp://www.carvalhoassuncao.com/Estudos/Estudo%20Photon_Hot.doc

Dr Nunes de Azevedo Especialista em Nefrologia, Hospital S. António, Porto.

“As propriedades benéficas do Photon estendem-se à melhoria do fluxo sanguíneo
nas extremidades do corpo, ao aumento da intensidade dos ritmos do eletroencefalograma
e ao favorecimento da excreção de substâncias nocivas às células.”

“Utilizo muitas vezes o Photon em doentes meus, não só naqueles com dores reumáticas, por vezes ligadas à hemodiálise, mas também nos que padecem de dores ocasionais. E como a temperatura ideal para otimizar as propriedades do Photon é de 37ºc, ou seja, a temperatura do corpo humano, há quem lhe chame roupa inteligente ” .

Veja um resumo da palestra:  http://www.carlosmota.net/complementares/photonPlatina.html

Dr Roger Coghill

Universidade de Cambridge

“Os grandes descobrimentos ainda que pareçam incríveis , ao principio, rapidamente
aportam grandes benefícios à civilização”

O Photon Platinum pode ser considerado outro grande descobrimento do séc. XXI. Todas as leis físicas e químicas apoiam e predizem a sua ação. Os estudos citológicos do sistema imunológico realizados no nosso laboratório durante os últimos 2 anos confirmam que as células estudadas obtém resultados benéficos com a ação do Photon Platinum. Estudos prévios descobriram que a natureza já utiliza FRR, em comunicações intracelulares e que as células estão destinadas a receber os seus efeitos. Neste momento estamos comprovando agora a matéria num marco estritamente clínico: A utilização do Photon Platinum em asma infantil. Uma aplicação desta interessante matéria, que abre as portas a um novo tipo de medicina molecular.

Veja o artigo do Dr Roger Coghill no site: http://www.cogreslab.co.uk/photonstory.asp?s_pname=

Dr José Calabuig

Equipe médica clinica Universitária de Navarra

“Efeito do Platina Photon a nível metabólico sobre eletrólitos, radicais livres , níveis do
ph e eliminação do ácido láctico”
“O Platina Photon era algo totalmente desconhecido para mim até há muito pouco…não podíamos nem imaginar o que afeta o metabolismo de qualquer pessoa e ainda mais o de um desportista nas provas. Fica claro que o Photon elimina com maior velocidade o acido láctico o que se traduz no adiamento da aparição do cansaço.Outro tema que estudamos é a sua influência na redução da quantidade de radicais livres.”

Veja o artigo completo no sitehttp://www.msphoton.com/base.htm

Dr José António Villegas Garcia -Doutorado em Medicina e Cirurgia, Univ. de Madrid.

  • Director Médico do Centro de Alto Rendimento “Infanta Cristina”.
  • Professor de Fisiologia da Escola Univ. Fisioterapia.
  • Doutorado em Biologia e Medicina Desportiva, Universidade Louis Pasteur,

França.
Ensaio “Duplo–Cego” sobre a fibra de Platina Photon, com efeitos sobre o aclaramento do lactato em desportistas:
Para investigarmos os supostos efeitos da fibra de Platina Photon sobre o aclaramento do lactato, constituímos dois grupos de 12 ciclistas cada. Ambos os grupos realizaram um protocolo idêntico de ciclo-ergometria maximal com incrementos de 50 watts de 5 em 5 minutos, sendo recolhidas amostras de lactato capilar. O teste foi repetido novamente uma semana depois e nas mesmas condições com a exceção da utilização de uma peça de roupa que continha, num caso, a fibra sob investigação e no outro uma fibra neutra.

O protocolo do teste “Duplo–Cego” foi utilizado para evitar que houvesse outros efeitos tanto nas pessoas a investigar como nos desportistas a não ser aqueles provocados pela fibra em estudo. Assim que se terminou a coleta de informação, fez-se um estudo estatístico, com base na variação de medidas correspondentes a um desenho fatorial, constituído pelos principais fatores: teste, carga e grupo, mais o fator inerente aos desportistas.

Diferenças significativas foram estabelecidas entre os grupos e entre os testes, e também houve uma interação cargas – grupos que indicou que as diferenças entre os grupos variam de acordo com a carga.O grupo que tinha vestido os calções pretos no segundo teste, teve definitivamente uma diminuição significativa no nível de lactatos quando comparado com o outro grupo. Assim que o envelope foi aberto, os calções pretos foram identificados como os que continham a fibra em estudo.

Veja artigo no site: http://www.geocities.com/centrofisioterapia/photonplatino.htm